Home » » Hotéis no Cinema - 15 icónicos locais para passar as férias (ou perder a cabeça... literalmente)

Hotéis no Cinema - 15 icónicos locais para passar as férias (ou perder a cabeça... literalmente)

Caro leitor, procura um hotel para passar as suas próximas férias? Pois bem, porque não aceitar umas sugestões da sétima arte? Os hotéis do cinema são locais de charme, glamour, diversão, mas também de mistério, suspense e até… horror! Às vezes quem lá entra, nunca mais sai… muahahahah!

Inventados ou inspirados em locais reais, junte-se a mim nesta listagem dos grandes hotéis do cinema que mais recordo, e responda comigo à questão basilar: ficaria lá hospedado?!


15. Hotel Bristol

Filme: 'What's Up, Doc?' (1972)

Localização: S. Francisco, EUA

O que o distingue: Uma enorme sala de jantar / salão de conferências; fabulosas vistas do terraço do último andar; quartos facilmente destruíveis por personagens distraídas.

Ficaria lá hospedado? Só se a Babs não estivesse lá. Quando estou num Hotel, quero estar sossegado, e não quero correr riscos de ficar fechado na varanda só de toalha!


14. Plaza Hotel (anos 1970)

Filme: 'Plaza Suite' (1971)

Localização: Nova Iorque, EUA

O que o distingue: Um magnífico edifício com uma magnífica vista e uma enorme predisposição para eventos cómico-dramáticos no quarto 719. envolvendo várias personagens que se parecem todas com Walther Mathau (talvez porque são)!

Ficaria lá hospedado? Sem dúvida, e visto que não me pareço com o Walther Mathau, até pode ser no quarto 719.


13. Plaza Hotel (anos 1990)


Filme: 'Home Alone 2: Lost in New York' (1992)

Localização: Nova Iorque, EUA

O que o distingue: Criados excêntricos que deixam crianças hospedar-se sozinhas e não distinguem tiros televisivos dos reais; um divinal serviço de quartos; uma piscina em que se pode treinar "bombas". 

Ficaria lá hospedado? Definitivamente. O sonho de qualquer jovem que tinha 8 anos de idade quando este filme saiu! Agora, é preciso é haver orçamento para isso...


12. Hôtel de la Plage

Filme: 'Les vacances de Monsieur Hulot' (1953)

Localização: Saint-Marc-sur-Mer, França

O que o distingue: Ambiente familiar; comida caseira; boa disposição. Talvez a precisar de umas obrinhas, mas é em cima da praia e está garantido que vão acontecer coisas engraçadas.

Ficaria lá hospedado? Hesito. O ambiente pacato e familiar apela-me, mas talvez tenha gente a mais na época alta e pouco para fazer fora da praia!


11. Mon Signor Hotel

Filme: 'Four Rooms' (1995)

Localização: Los Angeles, EUA

O que o distingue: Ninguém lá bate muito bem da bola, desde o paquete nocturno aos hóspedes; o serviço é diversificado e satisfaz os gostos mais peculiares; tem quartos de toda a espécie e feitio. E pode levar o seu caldeirão consigo, sem custos adicionais.

Ficaria lá hospedado? Não me parece. Bruxas e tarados não são a minha chávena de chá, e não tenho interesse nenhum em perder um dedo mindinho!


10. Grand Hotel

Filme: 'Grand Hotel' (1932)

Localização: Berlim, Alemanha

O que o distingue: O local mais opulento do período entre as guerras, com mais "estrelas do que aquelas que há no céu". Uma arquitectura invejável, quartos gigantescos, um bar luxuoso e muitos, muitos dramas, românticos, sociais e emocionais, em cada corredor, em cada quarto.

Ficaria lá hospedado? Se tivesse dinheiro para pagar a conta, até gostaria. Seria bem servido, tinha espaço para jogar futebol no quarto, e teria uma oportunidade de ouro para ter dois dedos de conversa com Greta Garbo... ou Joan Crawford... ou Lionel Barrymore!


9. Hotel Earle

Filme: 'Barton Fink' (1991)

Localização: Hollywood, EUA

O que o distingue: Majestoso mas decrépito, tranquilo mas pouco inspirador, praticamente vazio, com um paquete prestável que gosta de repetir o seu nome, papel de parede que constantemente se descola e hospedes com demasiados segredos.

Ficaria lá hospedado? Não me parece. Não quero perder a inspiração, detesto barulhos incomodativos e não me sentiria muito seguro no quarto ao lado do de John Goodman!


8. Hotel de Cocoanut

Filme: 'The Cocoanuts' (1929)

Localização: Florida, EUA


O que o distingue: Não parece ser bem um hotel mas uma casa de doidos; os criados cantam músicas de Irving Berlin, vendem-se terrenos em leilão, fazem-se bailes de máscaras, o gerente é Groucho e deixam personagens suspeitas como Chico e Harpo andar a seu bel-prazer a causar destruição. E há ladrões de jóias entre os hóspedes, por isso cuidado!

Ficaria lá hospedado? Hospedado talvez não. Demasiado caótico. Mas acho que ia lá sentar-me no lobby desfrutar do espectáculo louco.


7. Lido Resort

Filme: 'Top Hat' (1935)

Localização: Lido, Veneza, Itália

O que o distingue: A incapacidade de se distinguir onde as ruas de Veneza acabam e o hotel começa. Aparentemente os canais também passam pelo meio do hotel, que tem nos seus gigantescos interiores locais ideais para as mesas do restaurante, a banda e claro, a pista de dança! Num local propício para a comédia de enganos, é a dançar que a gente se entende.

Ficaria lá hospedado? A luz artificial do estúdio incomoda-me, portanto gostaria de ver mais Sol. Mas estaria disposto a fazer o sacrifício por uma noite, para ver Fred & Ginger dançar!


6. Daphne Castle Island

Filme: 'Evil Under the Sun' (1982)

Localização: Uma ilha no mar Adriático

O que o distingue: Situado numa ilha privada, oferece praia, ténis, espaços verdes, boa comida e a companhia das maiores celebridades, que até cantam umas cantigas à noite. E se houver um assassinato, temos o maior detective do mundo para o resolver.

Ficaria lá hospedado? Era capaz de ser uma experiência interessante, desde que não fosse eu o assassinado! Daria definitivamente um mergulhinho com Poirot... mas um a sério, não como ele faz no filme!


5. Hotel del Coronado

Filme: 'Some Like It Hot' (1959)

Localização: San Diego, EUA

O que o distingue: Enorme, luxuoso, com espectáculos nocturnos de suster a respiração; localização invejável em frente ao mar; possibilidade de parar o iate nas imediações;  belíssimas vistas, incluindo o facto de Marylin Monroe fazer lá praia..

Ficaria lá hospedado? Oh sim! Sol, praia, mar e Marylin! Melhor é impossível!


4. Fontainebleau Hotel


Filme: 'The Bellboy' (1960)

Localização: Miami, EUA

O que o distingue: Um bar com vistas para o fundo da piscina, uma enorme sala de conferências, um monte de hóspedes famosos (que incluiriam James Bond em 'Goldfinger') e se for preciso qualquer coisa, qualquer que seja, há um paquete de nome Stanley que trata do assunto, com uma enorme genialidade cómica e uma comovente ternura.

Ficaeia lá hospedado? Sim, sim, sim! Mas talvez não deixasse o trapalhão do Stanley pegar-me na mala, não fosse ela abrir-se e espalhar-se tudo pelo chão...


3. Overlook Hotel

Filme: 'The Shining' (1980)

Localização: Sidewinder, Colorado, EUA

O que o distingue: De Verão é uma concorrida estância, invejável e luxuosa, com fabulosas vistas e um magnífico labirinto de sebes. De Inverno, isolado pela neve, é um local assustador onde fantasmas do passado atormentam e levam à loucura os hospedes, estimulando os seus instintos assassinos..

Ficaria lá hospedado? Nem de Verão nem de Inverno. Prefiro ficar sossegado em casa do que arriscar ter alguém a ir atrás de mim com um machado!


2. The Grand Budapest Hotel

Filme: 'The Grand Budapest Hotel' (2014)

Localização: Republica de Zubrowka

O que o distingue: Colossal monumento arquitectónico de interiores luxuosos, com excelente serviço e excelente comida, que sempre "mantém a ilusão com uma graciosidade notável". Acessível por teleférico e o gerente satisfaz as senhoras de idade em mais do que um sentido.

Ficaria lá hospedado? Sem dúvida. Seria uma boa oportunidade para admirar o quadro 'Boy with Apple' e comer uns bolos da pastelaria local!


1. Bates Motel


Filme: 'Psycho' (1960)

Localização: Algures entre Phoenix, Arizona e  Fairville, California, na antiga estrada nacional

O que o distingue: Uma mansão assustadora no topo da colina; animais embalsamados na recepção; buracos na parede da casa de banho. Ah, e o gerente é maluquinho, com um complexo de Édipo e tendências assassinas.

Ficaria lá hospedado? Não senhor. Quanto tomo banho não gosto de ser esfaqueado repetidas vezes.

0 comentários:

Enviar um comentário

Porque todos somos cinema, está na altura de dizer o que vos vai na gana (mas com jeitinho).

Vídeo do dia

Citação do dia

Top 10 Posts mais lidos de sempre

Com tecnologia do Blogger.

Read in your language

No facebook

Mais lido da semana

Histoire(s) du cinema: John Williams Filmworks (1997); ou o primeiro CD que comprei

Acho que toda a gente se lembra do primeiro disco de música que comprou. Pois bem, o meu foi o CD de compilação ‘John Williams Filmworks’ ....

Quem escreve

Quem escreve
Miguel. Portuense. Nasceu quando era novo e isso só lhe fez bem aos ossos. Agora, com 31 anos, ainda está para as curvas. O primeiro filme que viu no cinema foi A Pequena Sereia, quando tinha 5 anos, o que explica muita coisa. Desde aí, olhou sempre para trás e a história do cinema tornou-se a sua história. Pode ser que um dia consiga fazer disto vida, mas até lá, está aqui para se divertir, e partilhar com o insuspeito leitor aquilo que sente e é, quando vê Cinema.

Visualizações

Seguidores Blogger

Seguidores Google+

 
Copyright © 2015 Eu Sou Cinema. Blogger Templates